terça-feira, 28 de abril de 2009

A recuperação

Passados 26 dias continuo confinada a sentar-me de lado no sofá, pois ainda não me sento direita sem a minha fiel almofadinha tipo bóia, que pelo menos me permite ir comer à mesa.
O Pedro insistia comigo em como eu devia ir mostrar os pontos à médica, eu dizia que não era preciso, que deve ser normal, que acaba por passar etc etc e tal. E até já tinha pensado se outras mulheres não teriam as mesmas dores e eu não estaria a ser demasiado mariquinhas. Mas a verdade é que na passada 6ª-feira, dia 24, lá acabei por ir mostrar os pontos à médica. E parece que fiz bem, pois os pontos já tinham sido absorvidos pelo organismo... mas o rasgão ainda não está cicatrizado.
Conclusão: Recuperação mais lenta.
"Receita médica": Muito repouso, continuar a lavar cada vez que fizer necessidades, enxugar muito bem, desinfectar com Betadine e colocar Bepanthene Uguento.
É o que estou a fazer e realmente o Bepanthene está a ajudar bastante na cicatrização. Já devia era ter começado antes.


Mãozinha marota

E pronto, agora é continuar a fazer tudo certinho e aguardar.
Estou ansiosa por ficar a 100%, estou ansiosa que o bom tempo venha para ficar, estou ansiosa para pôr a princesa no carrinho e irmos os três passear!!! =)

Ahhh! Finalmente tirei fotos a algumas coisinhas que recebi de meninas muito simpáticas aqui da blogoesfera :) Este conjunto de casaquinho e botinhas foi a Betha do blog Handricraft que fez para a pequena Beatriz. Não é um amor? ;)











A Betha também enviou esta linda caixinha de música.

Obrigada por tudo minha querida =)









Outra simpática menina que nos enviou imensas coisas foi a Carla do Blog Casa da Arte. Dois conjuntinhos de Verão, dois pares de sapatinhos (são tão pequeninos, um amor!), um babete, um casaquinho e um bonequinho de pendurar.



Tanta coisa. Obrigada por tudo querida Carla :D *


terça-feira, 21 de abril de 2009

Aquele dia...

A pedido de várias meninas, aqui fica um post a contar como decorreu
O GRANDE DIA :)



O tempo terminava a 4 de Abril, podendo a Beatriz nascer entre 15 dias antes ou depois. Se não nascesse até lá, dia 9 faria o toque, se o colo do útero fosse favorável, induzíamos o parto.

Dia 2 bem cedo fomos ao Hospital São Bernardo em Setúbal fazer o nosso 2º CTG, lá estivemos nós todos contentes a ouvir os batimentos cardíacos da nossa Tiz durante algum tempo. Quando fomos mostrar ao doutor, só eu entrei no gabinete. Ele viu o exame, estava tudo bem, ok! E diz-me:
- Vai deitar ali para fazer-mos o toque.
Não era isso que tinha ficado combinado mas tudo bem. Fez o toque:
- Mas o colo do útero está óptimo, vamos induzir!
E eu - "Desculpe???" - Fiquei completamente atónita, mais tarde ou mais cedo teria de ser, mas eu sai de casa optima, apenas para ir fazer um exame. Os nervos apoderaram-se de mim!!!
Eram 11h30 quando coloquei um pequeno comprimidinho debaixo da lingua e troquei imeadiatamente a minha roupa por uma bata cheia de florzinhas e só depois fui lá fora falar com o Pedro.
Apareci com as lágrimas nos olhos "É HOJE!!!". Ele ficou em choque "E agora e agora?? Vou buscar as malas? O que é que eu faço?".
Eu passei para o internamento enquando ele veio a voar até Azeitão buscar as malas.



Eram 12h30 quando comecei a sentir qualquer coisa, completamente suportável.
Não estive muito tempo sozinha pois às 14h já tive direito a visitas, o Pedro já tinha tudo com ele e os meus pais também me foram ver ansiosos pela vinda da netinha. Às 15h terminou a visita e fizeram-me novamente o toque: já estava com quase 4 cm de dilatação!!! Passei imediatamente para o bloco de partos. Novo toque: 5 cm!!! Assinar os papéis para me administrarem a epidural. Toque: 6 cm!!! Estava tudo a acontecer tããão depressa!!! A epidural não me custou absolutamente nada a levar, ao contrário do que acontece com muita gente (Uff!!). Mas nem sequer deu tempo de fazer efeito pois o grande momento chegou depressa e a Beatriz estava finalmente pronta para sair. Logo a seguir à epidural o Pedro juntou-se a mim no bloco de partos.

Finalmente iamos conhecer a nossa princesa! Que emoção! Que ansiedade!
(E naquele momento... Que dor! Lol!)



No meio de lágrimas e gritos, ouviu-se um choro delicado, às 16h36 conhecemos o nosso maior tesouro, a nossa riqueza!

O sentimento é inexplicável!!!!!
O amor imediato que se sente por um filho é impossível de quantificar!

Puseram-ma logo em cima de mim, e que bem me soube! Tão pequenina, tão frágil, uma pele tão suave, aquele cheirinho tão agradável a bebé...

Mas...... a marotinha veio de bracitos no ar, felizmente a ela não lhe aconteceu nada! Já a mim não se pode dizer o mesmo, fiquei bastante rasgada e estive a ser cosida durante mais de 1 hora. Anestesia local? Dizem que levei, mas até me custa a acreditar, foi a pior parte! Entre lágrimas de alegria e dor, só esperava que aquilo terminasse para desfrutar o momento e começar a descorberta do conhecimento da nossa linda e perfeita pipoquinha.

Até sensivelmente 10 dias seguintes foi um suplicio, querer cuidar e dar toda a atenção necessária à princesa e as dores completamente apoderadas de mim. Tive momentos de desespero total. Mas aqueles olhinhos azuis acinzentados a olharem para mim com tanta ternura faziam com que tudo fosse suportável.

Passados 19 dias continuo sem me conseguir sentar, mas já com melhoras consideráveis.








E assim foi, o dia mais importante da minha vida!!! :D


Beatriz
És o nosso mais precioso tesouro!

terça-feira, 7 de abril de 2009

2 de Abril!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

E......... Aconteceu!!!

A BEATRIZ NASCEU!!!!!!!!

Foi na 5ª-feira, dia 02, pelas 16h36, pesava 2,940 kg e media 48,9 cm.



É a bebé mais linda que eu já vi até hoje, é indescritível!!!
É a minha bebé!
...minha riqueza!